Segurança da Informação

 

A informação digital é um dos principais, senão o mais importante, produto da era atual. Ela pode ser manipulada e visualizada de diversas maneiras. Assim, à medida que a informação digital circula pelos mais variados ambientes, percorrendo diversos fluxos de trabalho, ela pode ser armazenada para os mais variados fins, podendo ser lida, modificada ou até mesmo apagada.

Dessa forma, inúmeras vezes decisões e ações tomadas decorrem das informações manipuladas por esses sistemas. Dentro deste contexto, toda e qualquer informação deve ser correta, precisa e estar disponível, a fim de ser armazenada, recuperada, manipulada ou processada, além de poder ser trocada de forma segura e confiável. Por esta razão, a Segurança da Informação tem sido uma questão de elevada prioridade nas organizações.

 

A Segurança da Informação visa proteger todo tipo de informação que seja vital para a empresa, principalmente as que circulam por meio eletrônico, de uma gama extensiva de ameaças para assegurar a continuidade dos negócios, minimizar os danos empresariais e maximizar o retorno em investimentos e oportunidades.

As crescentes ameaças eletrônicas (vírus, trojans, etc) e invasões de sistemas para roubo de dados ou indisponibilização dos serviços, de pequenas a grandes empresas, tem sido a preocupação número 1 dos executivos de segurança que incluíram a proteção da informação entre as questões estratégicas da corporação.

Essa preocupação justifica-se pela dependência das empresas hoje em dia em relação à tecnologia da informação. Empresas dos mais diversos setores e tamanhos já não conseguiriam mais realizar atividades-chave para a sua sobrevivência, como fornecer bens e serviços, comunicar-se com clientes ou efetuar pagamentos, se os sistemas que armazenam, processam e transmitem seus dados corporativos parassem de funcionar.

Para manter o seu sistema de informação íntegro e disponível, as empresas devem possuir uma forte e eficiente PSI - Política de Segurança da Informação e como parte integrante dessa PSI, o treinamento periódico da equipe de colaboradores e administradores deve ser considerado o fator-chave de sucesso de sua implantação e aplicabilidade.

Quando falamos em segurança, devemos observar que não só as ameaças como as ferramentas de proteção inovam a cada dia, obrigando os usuários dos recursos tecnológicos (ou seja, todos dentro da empresa) a aprender a reconhecê-las sob pena de não estar em conformidade com a PSI.

Diante tantas atualizações, somente através de um treinamento contínuo, as empresas poderão manter sua equipe de colaboradores e administradores sempre atualizada e proficientes na manipulação de informações , estabelecendo uma teia de distribuição de informação segura e confiável.


QUAIS SÃO AS VULNERABILIDADES DO SEU AMBIENTE?
QUAL O GRAU DE RISCO A QUE SUA ORGANIZAÇÃO ESTÁ EXPOSTA?

Conheça como Global Security pode ajudar sua empresa a manter os mais altos níveis de confiabilidade, integridade e disponibilidade de informações.

 

O QUE A CONSULTORIA GLOBAL SECURITY OFERECE

 

DIAGNÓSTICO DO AMBIENTE ATUAL


É muito importante, antes de partir para a análise de riscos a que está sujeita uma organização, compreender como gestores e colaboradores manipulam e compartilham informações sensíveis ao negócio. Conhecer a estrutura física, organizacional e tecnológica é parte importante do processo de identificação de falhas e vulnerabilidades que podem expor e comprometer as operações da empresa. Riscos físicos, de processos e de sistemas comumente estão interligados a riscos de pessoas (engenharia social) que potencializam ainda mais o grau de severidade de exposição.


AUDITORIA


A auditoria em Segurança da Informação consiste na avaliação dos procedimentos de controle e segurança vinculados ao processamento das informações, visando garantir a qualidade no tratamento das informações e a integridade, confidencialidade e disponibilidade dos dados.
Todo sistema que necessite de um nível mais alto de segurança, principalmente de controle de acesso, precisa também de auditoria. É importante acompanhar o desempenho do sistema de segurança e corrigir eventuais falhas, bem como identificar os usuários maliciosos.
São emitidos ao final do processo relatórios de não conformidade e evidências reunidas durante o trabalho bem como um plano de ação que aponta as medidas que devem ser tomadas para alcançar a conformidade em relação ás melhores práticas.

 

ANÁLISE E GESTÃO DE RISCOS


A Análise e Gestão de Riscos tem como principais desafios proteger um dos principais ativos da organização – a informação – assim como a reputação e a marca da empresa, implementar e gerir controles que tenham como foco principal os objetivos do negócio, promover ações corretivas e preventivas de forma eficiente, garantir o cumprimento de regulamentações e definir os processos de gestão da Segurança da Informação.
Ela é fundamental para garantir o perfeito funcionamento de toda a estrutura tecnológica da empresa. Conhecer e tratar os riscos deixou de ser uma necessidade técnica e transformou-se em uma questão estratégica para as organizações.
 A empresa está constantemente exposta a diversos riscos que podem impactar seus negócios tais como:  
•    Vazamento de dados
•    Erros inadvertidos provocados por empregados
•    Incidentes relacionados a dispositivos pessoais de empregado (BYOD)
•    Cloud computing
•    Cyber ataques
•    Hacking externo
•    Empregados insatisfeitos.
Uma visão holística do ambiente é extremamente importante para considerar a avaliar o impacto que uma variável não tratada pode ter no nível de segurança máximo desejado.  

 

ELABORAÇÃO E IMPLANTAÇÃO DE PSI


Atualmente, a PSI é adotada em grande parte das organizações em todo o mundo. Mesmo aquelas empresas que ainda não tem uma política efetiva, reconhecem a necessidade de elaborar e implementar uma. A política de segurança da informação deve estabelecer como será efetuado o acesso as informações de todas as formas possíveis, seja ela internamente ou externamente, e quais os tipos de mídias poderão transportar e ter acesso a esta informação. É imperativo o estabelecimento de um conjunto de normas e regras que regulem a utilização dos sistemas das empresas, assim como o acesso a redes sociais e e-mails pessoais e vinculá-las ao contrato de trabalho dos colaboradores. Para a criação de uma PSI eficaz as etapas de diagnóstico, auditoria e análise de riscos são fundamentais pois estruturam as normas, métodos e procedimentos adequados para a empresa.

 

GESTÃO DE IDENTIDADES
Gestão de Riscos – Identidade Biométrica – Política de Confidencialidade - Poliítica de Acesso Internet


Apesar desses itens fazerem parte integrante de um Plano de Segurança da Informação, vale citá-los separadamente para destacar a importância destas etapas. A gestão de identidade digital é um dos principais controles a serem feitos dentro da empresa a fim de monitorar a manipulação das informações e garantir o não repúdio de ações de que envolvam troca de dados. Conciliada a controles de acessos físicos e uma rigorosa política de confidencialidade a empresa estará elevando a confiabilidade e disponibilidade de suas informações.

 

TREINAMENTO


Para que a cultura da empresa seja mudada em relação à segurança da informação, é fundamental que os funcionários estejam preparados para a mudança, por meio de avisos, palestras de conscientização, elaboração de guias rápidos de consulta e treinamento direcionado.
Todos os funcionários da organização, incluindo aqueles que são terceirizados e prestadores de serviço, deverão receber um treinamento adequado para que se adequem às mudanças. Os usuários também devem estar clientes das ameaças e das vulnerabilidades de segurança da informação e devem estetar equipados para apoiar a política de segurança da informação da organização durante a execução normal do trabalho.
Sendo também parte integrante da PSI que criaremos exclusivamente para sua empresa, você conta com o Centro de Treinamento Global Security, que está preparado para receber e capacitar sua equipe de colaboradores e gestores. Disponibilizamos também treinamento in company.  

 

GESTÃO PERMANENTE PSI – TERCEIRIZAÇÃO


Para que sua empresa possa manter o foco no seu core business e ao mesmo tempo contar com uma equipe altamente especializada em monitoração e gerenciamento de incidentes dos mais variados tipos, a opção de terceirizar um provedor de serviços de segurança é extremamente atrativa.
Ao contratar os nossos serviços, você pode optar pela gestão permanente de seus ativos através de um rigoroso plano de continuidade de negócios que assegura a confiabilidade, confidencialidade e alta disponibilidade das informações em sua empresa.

 

Entre em Contato Agora!

Contato

Globalconn - Internet for Business

Av. Mário Werneck, 1.480 / Loja 222

Buritis - Belo Horizonte - MG

Telefone: 31-2515-1205

Facebook: www.fb.com/globalconninternet

Email: globalconn@globalconn.com.br

Centro de Treinamento em Segurança da Informação

Nosso centro de treinamento oferece capacitação para seus colaboradores e administradores através de módulos atualizados constantemente. Treinar sua equipe no GLOBAL SECURITY irá garantir o sucesso do investimento realizado na PSI bem como a sua efetiva aplicabilidade, obtendo a conformidade com os mais altos padrões de segurança na manipulação da informação digital.